Promoção!

R$ 9.99 R$ 5.99

Para que complicar? Ser feliz, afinal, parece decorrer de uma atitude assumida pelas pessoas. Nas idades mais maduras, então, em nome do que virar as costas para o melhor da vida? Não tem mais ‘papai’ nem ‘mamãe’ para dar as coordenadas, nem para impedir as novas escolhas sentimentais. Os filhos estão ocupados consigo próprios e o mundo está totalmente mudado. O que valia antes, não se aplica agora, a não ser para pavimentar uma vida rica, sortida e cheia de gosto.

É aqui que entram as novidades: uma obra de muito bom gostoque surpreende, resultado de longas conversas virtuais entre a Dra. Anae internautas já maduros que são especialmente ‘ouvidos’ e orientados, por reflexões profundas e ideias práticas. Trabalho feito com aguda lucidez e bem temperado com pitadas de bom humor.

Na franja social dos ‘sexalescentes’, homens e mulheres não buscam certezas, porque ninguém as tem, mas desejam novos projetos e oportunidades, recuperar o riso solto e desenvolverem a arte do diálogo. Idosos repaginados buscam o compartilhar da intimidade e se darem mais prazer. O mundo dos relacionamentos e das emoções é um mundo de riscos, do qual cada um é que escolhe se quer ou não quer participar.

Categoria

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Doutor@, o que eu f@ço?”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *