Warren Buffett, aos 85 anos de idade, figura entre as cinco pessoas mais ricas do mundo. Sua fortuna é estimada em cerca de 50 bilhões de dólares, 99% dos quais ele pretende deixar para instituições de caridade após sua morte.

Warren Buffett

Ele próprio construiu sua imensa fortuna e, frequentemente o velho magnata faz sugestões a líderes mundiais, sobre:

Reputação - Leva-se 20 anos construindo uma reputação e 5 minutos para destruí-la. Se você pensar nisso agirá de maneira diferente.

Regra Básica:

  • Regra No.1: Nunca perca dinheiro.

  • Regra No.2: Nunca se esqueça da regra No.1.

Fontes de renda - Nunca conte apenas com um rendimento. Faça investimentos para criar fontes adicionais de renda.

Gastos - Se você compra coisas de que não precisa, logo terá que vender coisas das quais precisa.

Poupança - Não poupe o que restou depois do que você gastou. Gaste o que sobrou depois que você separou a importância a ser poupada.

Correr riscos - Jamais meça a profundidade de um rio com as duas pernas.

Honestidade - Honestidade custa caro, não espere encontrá-la em pessoas mesquinhas.

Herança - Um homem rico deve deixar a seus filhos somente o suficiente para que eles possam fazer o que quiserem, mas não o suficiente para que não tenham que fazer nada.

Ideias - Você faz coisas quando as oportunidades aparecem. Tive períodos na vida em que estava cheio de ideias, todas ao mesmo tempo, e tive longos períodos em que nada aparecia. Se eu tiver uma ideia na semana que vem, farei alguma coisa; caso contrário, não faço nada.

Riqueza e distribuição de renda - Os ricos sempre dirão que a riqueza dos mais ricos acabará beneficiando os pobres. Algo como "nos deem mais dinheiro e nós gastaremos mais e no final, todo o mundo é beneficiado". Só que essa ideia não funciona há mais de 10 anos, e eu espero que as pessoas comecem logo a dar-se conta disso.

Investir no futuro - Alguém está sentado à sombra hoje porque alguém plantou uma árvore há muito tempo.

Hábitos - Os grilhões dos hábitos são leves para serem sentidos, até que se tornam pesados demais para serem rompidos.

Tornar-se rico - Sempre soube que seria rico. Creio que jamais duvidei disso por um minuto que fosse.

Aprender com os melhores - É melhor andar com pessoas melhores do que você. Escolha parceiros com comportamento melhor do que o seu e você se inclinará na direção deles.

Preço e valor - Preço é o que você paga. Valor é o que você obtém.

Impostos para os ricos - Impostos para as classes baixa e média, e talvez até mesmo para a classe média alta, deveriam ser bem menores. Mas eu penso que as pessoas na outra ponta - como eu mesmo - deveriam estar pagando muito mais impostos. Vivemos no melhor dos mundos.

Fonte: http://www.tudoporemail.com.br

  • Psicóloga formada pela UNIP, Mestre em Psicologia Social pela USP e doutora em Ciências Sociais pela PUC-SP.
  • Pesquisadora pelo NEF - Núcleo de Estudos do Futuro, com foco no Ecossociodesenvolvimento | Cátedra Ignacy Sachs, alinhada ao United Nations Millennium Project.
  • Coaching de Carreira e Preparo para uma Aposentadoria Sustentável.

Deixe uma resposta