Muito a conversar

Muito a conversar. Sem sogra, sem filhos, sem nada!

Um dia você acorda e se encara: “Quem é esse velho que me olha no espelho?” Seu nariz e suas orelhas cresceram. Há um a luminosidade clara em torno de sua cabeça.

Muito a conversar. Sem sogra, sem filhos, sem nada!
Imagem: Pixabay

Não, não se trata da aura, mas dos seus — remanescentes? — cabelos. Até seus dentes parecem maiores! E por mais que você “chupe” a barriga, ela não encolhe mais do que um tantinho. E, ainda, as custas de você perder o fôlego.

Continue lendo

Datas Especiais

“Celebrar é sonhar um sonho de total perfeição, tão vívido, que você quase chega a tocá-lo. Ao celebrarmos uma relação, afirmamos e trabalhamos arduamente para que o sonho se torne realidade.”

Datas Especiais
Imagem: Pixabay

É por isso que os casais se sentem como que envoltos e protegidos por uma bolha mágica, separados do mundo. Deu-se um encontro. Ambas as pessoas se encontram no mesmo lugar em que estão, pelo mesmo tempo que transcende o rigor do relógio. Um tempo sem tempo, que para tudo o mais, para o amor chegar e se instalar.

Um encontro que fala de futuro e de esperança, sem se dizer palavra. O melhor som brota do silêncio. A melhor luz, do brilho do olhar. Sem tal celebração, que casal pode se encontrar? Sem celebrações, que relação pode perdurar?

Continue lendo