Psicologia é profissão para problemáticos?

Não se deixe pegar por pessoas que comentam que “o mercado está saturado”, “psicologia não dá dinheiro” ou que “só faz psicologia quem é problemático”.

Uma das principais piadinhas é que só vai cursar psicologia quem tem problema. Que são os problemáticos. Assista o vídeo e entenda melhor alguns dilemas, mitos e verdades enfrentados por quem segue ou pretende seguir carreira em psicologia.

Inscreva-se no Canal Ana Fraiman no Youtube para não perder nossos conteúdos em vídeo: 

 
  • Psicóloga formada pela UNIP, Mestre em Psicologia Social pela USP e doutora em Ciências Sociais pela PUC-SP.
  • Pesquisadora pelo NEF - Núcleo de Estudos do Futuro, com foco no Ecossociodesenvolvimento | Cátedra Ignacy Sachs, alinhada ao United Nations Millennium Project.
  • Coaching de Carreira e Preparo para uma Aposentadoria Sustentável.

Vida universitária: do medo à atitude

O índice de desistência em alguns cursos universitários, principalmente nas instituições particulares, chega a 50% nos dois primeiros anos. Isso ocorre por uma séria de fatores: não gostar do sistema da universidade, não se entrosar com os colegas de classe, não estar suficientemente amadurecido para seguir uma vida universitária, desencantar-se com o curso e até por motivos financeiros.

Vida universitária: do medo à atitude
Imagem: Pixabay

Vale a pena seguir o quadro de dicas abaixo antes de pensar em desistir de um curso:

1- Assistir as aulas dos anos seguintes, quando as matérias, normalmente se tornam mais praticas. Isso porque muitos alunos entram na faculdade imaginando que vão projetar pontes, desenhar shopping, criar uma nova coleção de roupas ou curar um paciente, mas os primeiros anos em muitas faculdades são mais teóricos, frustrando suas expectativas.

Continue lendo

Como manter as esperanças na carreira com tanta crise e desemprego?

No termo “crise” está inserida a palavra “crie”. Pode parecer simplista essa ideia, mas, na verdade, é a mais pura percepção da vida como ela é. Crises sempre existiram e sempre vão haver.

Por Leo Fraiman*

Carreira, Crise e Desemprego
Imagem: pixabay

Há momentos em que o mercado (e a vida) está a nosso favor e aproveitamos as oportunidade, mas é preciso saber como tudo oscila, todos nós enfrentamos crises, sejam elas pessoais ou profissionais. É nessas horas que os valores, crenças e atitudes são testados, que a competência e a resiliência são acionadas e contatos fazem a diferença.

Continue lendo

Dicas para não desistir da faculdade

O índice de desistência em alguns cursos universitários, principalmente nas instituições particulares, chega a 50% nos dois primeiros anos.

Dicas para não desistir da faculdade

Isso ocorre por uma séria de fatores: não gostar do sistema da universidade, não se entrosar com os colegas de classe, não estar suficientemente amadurecido para seguir uma vida universitária, desencantar-se com o curso e até motivos financeiros.
Vale a pesa seguir o quadro de dicas abaixo antes de pensar em desistir de um curso:

Continue lendo

ME FORMEI, E AGORA, O QUE EU FAÇO?

Pergunte aos profissionais que orientam os jovens para a realização pessoal e profissional em suas carreiras, que lhes dão apoio nesta próxima etapa de suas vidas.

A finalização de um curso superior é um momento único. Últimos trabalhos a entregar, TCC a depositar, banca a enfrentar e, muitas festas a comparecer!
Uma discreta sensação de perda, porém, ofusca o alívio e a alegria. E meus amigos, não estarão mais comigo?! Trocam-se juras de amizades para sempre e promessas de não perder contato, seja lá o que acontecer.

Uns haverão de se casar. Outros retornarão para suas cidades de origem. Outros, ainda, estarão torcendo para serem efetivados. A maioria cairá num vácuo assustador: sem emprego, sem dinheiro, sem pai-trocínio, sem um namoro de verdade, sem saber por onde se mexer para colocar em prática o que se levou anos para aprender.

Continue lendo