Encarando a Meia Idade com bom humor

Todos nos sentimos um tanto inquietos, quando constatamos que já chegamos à metade previsível de nosso tempo de vida, a temida Meia Idade.

Meia Idade e Bom humor

Uma vez, porém, que esta é uma realidade que deveremos encarar, é melhor que olhemos para os fatos tal como eles são e, que o façamos com uma boa dose de bom humor.

  • Meia idade é quando você vai ao médico, à médica, e se dá conta de que já é tão velho, que precisa pagar para alguém lhe ver sem roupa. E, estando bem, elogiar.
  • A boa notícia a respeito da meia idade é que o vaso, pelo menos está meio cheio. A má notícia é que não vai levar muito tempo até que seus dentes flutuem no mesmo vaso.
  • As mulheres de meia idade já não têm braços, têm envergadura. Seus braços se assemelham a asas voadoras.
  • A meia idade terá chegado quando você estiver frente ao espelho e conseguir enxergar seu volumoso traseiro sem precisar se contorcer todo.
  • A meia idade também terá chegado quando a sua sabedoria se apresentar a você em forma de curvas: no corpo das mulheres bem mais jovens.
  • A meia idade é quando você quer suspender cada parte do seu corpo e gritar: - Se o Império Romano caiu, estas coisas todas também podem cair! Mas cuidado, não olhe para baixo, nesta hora.
  • A meia idade terá chegado quando você ficar repetindo as mesmas coisas em voz alta para você mesmo e a sua papada fizer o mesmo.
  • Quando chegamos à meia idade nos tornamos mais reflexivos e nos colocamos grandes perguntas: O que é a vida? Por que estou aqui? Quanto sorvete posso comer para que seja uma opção saudável?
  • Meia idade é aquela em que você já sabe direitinho o que não deve fazer, mas faz assim mesmo. E, quase certamente, fará bem feito.
  • Você terá chegado à meia idade quando não for mais tão jovem assim, nem tão velho assado, que deixe de se interessar por uma quarentona bem disposta!

Texto traduzido e adaptado de Todomail.

  • Psicóloga formada pela UNIP, Mestre em Psicologia Social pela USP e doutora em Ciências Sociais pela PUC-SP.
  • Pesquisadora pelo NEF - Núcleo de Estudos do Futuro, com foco no Ecossociodesenvolvimento | Cátedra Ignacy Sachs, alinhada ao United Nations Millennium Project.
  • Coaching de Carreira e Preparo para uma Aposentadoria Sustentável.

Como driblar o mau hálito de um colega que se aproxima de mais quando conversa?

Mau Hálito

Simples. Diga o mais diretamente possível: - Posso lhe dizer uma coisa importante que poderá incomodá-lo, mas que vai ajudar pra caramba?! Diga isso com um discreto e afável sorriso, e aguarde pela reposta. Em geral as pessoas concordam em ouvir o que você terá a dizer-lhes. Afaste-se com ela, dos olhares e ouvidos de outras pessoas. E seja rápido(a).

Leia também: Como avisar o professor que ele está com a braguilha aberta, sem constrangê-lo na aula?

- Vou dizer a você, como eu gostaria que um(a) amigo(a) dissesse para mim. O negócio é o seguinte: procure um médico ou um dentista, que alguém deles vai te ajudar. Reparei que, quando você se aproxima, seu hálito não está cem por cento. Vai ver que é uma coisa simples, que logo você poderá tratar e solucionar. Pode ser um problema digestivo ou dental, mesmo. Rapidinho você vai estar ótimo(a)! E eu vou ficar feliz com isso, tá? Depois me conta.

Continue lendo

Psicoterapia para quem e quando?

PSICOLOGIA – Admirável presença e existência, enquanto ciência, prática e arte, a história da psicologia tal como hoje a conhecemos, remonta a pouco mais de 130 anos.

E o que é psicologia? Segundo o médico psiquiatra e psicólogo Myra y Lopes1, a “Psicologia é o conjunto de conhecimentos que serve para nos conhecermos a nós mesmos, e compreender os modos de ser (pensar, sentir e fazer) de nossos semelhantes, ou seja, é o estudo das funções mentais e das atividades pessoais”.

Vamos, então, procurar situar o leitor, ainda que brevemente, sobre a psicologia e, mais adiante, sobre o que é a psicoterapia. Tudo nasceu, de maneira formal, em fins do século xix. Os meios científicos, de orientação positivista e empírica, procuravam organizar os saberes e o universo do trabalho. Indústrias, cidades e universidades, juntamente com os liceus, fervilhavam em torno das possibilidades de exercer previsão e controle sobre fatos e… Pessoas. Então, a psicologia ganha contornos.Continue lendo